Viajando com crianças: Transamérica São Paulo

Estivemos no Hotel Transamérica no último final de semana, presente do marido, em comemoração ao Dia das Mães!

Muita gente me diz que não vê sentido em sair de casa para se hospedar num hotel na mesma cidade que mora, te digo que, se não for possível viajar de verdade, pegar estrada ou um avião, é uma ótima maneira de se sentir viajando, mesmo que no meu caso, a 7km de casa!

Eu adoro ficar hospedada em hotel, e os meninos vão pro mesmo caminho! Ficam loucos quando a gente abre a porta do quarto! É um barato! Não é a toa que estudei hotelaria, minha paixão por hoteis também veio de pequena… eu só acho que aos 17 eu não entendia que a minha paixão era por ficar hospedada em hotéis e não enfrentar o árduo trabalho que bem sei que os hoteleiros enfrentam!

Mas vamos lá… Hotel Transamérica! Na época da pós em eventos me lembro de ter feito uma visita técnica nesse hotel, porque era uma referência em Hotel para Eventos na cidade, com muitas salas para locação e grande estrutura para tal, além do próprio Centro de Exposições ao lado.

Bom, este hotel começou a oferecer um “Pacote Kids” aos finais de semana, na intenção (provavelmente) de atrair famílias para esse período que deve ser de baixa ocupação. A primeira vez que vi a respeito foi num fim de semana em o que o pacote estava atrelado a uma peça ou show infantil, não me recordo, que estava sendo realizada do Teatro Alfa, anexo ao hotel. Na época achamos interessante mas não podíamos ir naquele fim de semana.

Vou relatar agora então a nossa experiência, que no geral foi boa, mas teve vários pequenos pormenores, que, deixaram a desejar.

O marido pesquisou, e viu que haviam 2 opções de pacotes naquele fim de semana, o KIDS e o de Dia das Mães. Ambos com 2 crianças incluídas. Ele não entendia a diferença de valores dos pacotes, porque aparentemente eles não eram diferentes.

Então veio a primeira observação que tenho a fazer: DEPARTAMENTO DE RESERVAS CONFUSO.
Ele ligou para o departamento de reservas e perguntou qual era a diferença entre um pacote e outro. No site, o pacote de dia das mães não especificava que o Brunch de dia das mães estava incluido. A atendente disse que era o que estava lá. Dia das mães incluía só o cafe da manhã, e as crianças não poderiam participar da recreação. Para participar, apenas crianças do pacote KIDS.
Ele achou meio sem sentido, me ligou, abriu o jogo (estragando a surpresa!!) e pediu que eu ligasse.
Então no dia seguinte liguei e a atendente a cada pergunta que eu fazia, pedia pra aguardar, para checar a informação com outra pessoa!
As perguntas e respostas foram:

1- qual a diferença do pacote de dia das mães e o kids, já que o kids está mais barato e pela descrição do site, a unica diferença é a recreação?
R: não tem diferença…
2 – será que o Brunch de dia das mães não está incluído no pacote de dia das mães?
R: NÃO ( categoricamente)
3 – se eu me hospedar no hotel, posso combinar com outros familiares de irem para o Brunch com a gente?
R: Sim, claro.

Essas foram as respostas da atendente de RESERVAS.

Então fizemos a reserva num pacote KIDS.

Chegando ao hotel, no momento do check in, o recepcionista informou que o Brunch de Dia das Mães estava esgotado, e que eu não poderia participar.

Nossa fiquei muito chateada na hora! Falei, mas como esgotado? Vocês não contam com hóspedes nessas ocasiões? Se estarei hospedada com late check out até as 18h e não haverá outro restaurante aberto nesse dia, onde os hóspedes devem comer? Ele me respondeu: mas a senhora não reservou?
É claro que não! Não fui informada que deveria reservar! Daí meu marido pega um panfleto na recepção, que dizia que o PACOTE DE DIA DAS MÃES incluía a hospedagem e o brunch!!
Muita falta de comunicação interna e informação para os funcionários né!

NOSSO QUARTO

 

É bom enfatizar que, apesar de os pacotes incluírem 2 crianças como cortesia, os quartos só dispõem de 1 cama de casal ou 2 de solteiro. Eles fazem a montagem de apenas 1 cama extra, portanto contam que 1 das crianças vão dormir com os pais na cama… ( palavras da atendente de reservas)

RECREAÇÃO

Descemos para procurar a recreação, e haviam 2 tios de alguma empresa de recreação terceirizada. Os meninos começaram a brincar, e o que me chamou a atenção: não perguntaram de qual apartamento eram, não tinha um controle, uma pulseira de identificação, ou planilha.

Como tinham poucas crianças, e estava ventando lá fora, ficaram sentados no chão do piano bar, num cantinho jogando cartas. Ok. Os meninos quiseram ir ao banheiro e os tios não sabiam indicar onde tinha um banheiro. Aliás, o tio mais tarde veio me perguntar onde era!!!


Na programção KIDS (que nem de longe foi seguida), tinha um piquenique com as crianças. Mas deu o horário e nada. Daí uma das tias foi atrás para ver onde e como seria, e 40 minutos depois volta com o piquenique das crianças, frutas, suco e biscoitos industrializados (ficou bem claro que não haviam se preparado pra aquilo).

Depois houve uma confusão a respeito do jantar. Naquele dia, o restaurante principal, em estilo buffet, estava fechado (mas constava na programação infantil que o jantar seria ali). Tudo bem, acontece. Só que, compramos ingressos para a peça de teatro as 20h e o outro restaurante só abria as 19h e o Maitre deste me informou que não havia tempo hábil para jantarmos antes da peça e que, é um restaurante mais sofisticado, sem opções para as crianças.
Sobrou então a unica opção para jantarmos, o piano Bar, com opções bem restritas.

Aliás, sobre o Piano Bar, sentamos lá a tarde, sem saber direito o que íamos tomar, se um drink, ou um café mesmo… pedimos um cardápio e não tinha. Daí o garçom nos trouxe uma prancheta com uns papeis presos, das opções de COMIDA… pedimos a de bebida… mas não tinha nada para petiscar e acompanhar…

Optamos pelo cafezinho…

Gostaria de ressaltar que nesse meio tempo, fomos atendidos por um funcionário (não o primeiro garçom que estava perdidinho), chamado Kennedi. Foi muito atencioso e fez questão de dar um jeito na nossa situação de estar de fora do Brunch. Disse que ia falar com o gerente de A&B (Alimentos e Bebidas) e eu inclusive fiz questão de falar pessoalmente com ele, que foi muito atencioso conosco também, fez a reserva da mesa, e disse que sim, eles contam com uma margem de mesas para hóspedes no Brunch (informação que faltou ao recepcionista!)

Aliás, quero PARABENIZAR toda a equipe de A&B, todos que estavam durante o Brunch de Dia das Mães, sendo muitíssimo solicitos e educados com todos!

O café da manhã é muito bom e variado. Outro ponto super positivo, um cantinho de opções sem gluten e sem lactose! E não era uma coisa ou outra…dava pra escolher! Achei bacana!

 

TEATRO ALFA

Assistimo a peça “Peter Pan – O musical da Broadway” no Teatro Alfa, anexo ao Hotel e achamos a peça muito boa! Muito divertida, cheia de musica e alegria! Um pouco longa para os pequenos, 2h40 com 15 minutos de intervalo.
Enrico não aguentou assistir a peça toda, 5 minutos antes do intervalo acabou dormindo, mas isso foi erro nosso de cálculo porque achamos que não daria tempo de assistir no horário das 16h e deixamos para as 20h.
Agora, sair da peça tarde da noite e ir caminhando para o seu quarto de hotel, foi bem bacana viu!

 

BRUNCH DE DIA DAS MÃES

Ainda bem que o gerente de A&B deu um jeitinho de nos fazer participar! Estava sensacional! O Transamérica está passando por uma série de eventos chamado Mundi, onde em cada fim de semana determinado, tem comidas típicas de algum lugar. Então o Brunch era temático.
E o tema desse fim de semana era Brasil, mas haviam pratos internacionais também.
Era uma variedade tão grande de pratos, que nem vou me lembrar para citar!
De paella valenciana (com lagosta de tudo!) a costelinha na cachaça de jambu com canjiquinha e legumes ( esse prato estava DIVINO!), robalo, peito de pato, javali com molho de chocolate, um peixe com tucupi ( eu morria de vontade de provar!), olha, não vou conseguir lembrar todos. Muitos legumes, muitas saladas, massa…
Impossível não agradar…
E a mesa das sobremesas!??!?!
Ai ai ai…sem comentários!

Fazendo uma avaliação geral sobre o nosso fim de semana, o balanço é muito positivo, os contratempos que tivemos foram contornados.

 

Acho que precisa de melhorias? Sim, acredito que precisa: reservas, recepção, e, se for para vender um pacote KIDS, tem que ser melhorada essa questão. Não adianta colocar o nome KIDS, colocar uma molecada lá de monitores e pronto. Tem que pensar realmente no pacote, nos detalhes. Tem uma programação? Precisa segui-la. Crianças precisam ser identificadas, monitores precisam conhecer o hotel, precisam pensar em alternativas para dias de frio/chuva, que não pode usar o gramado, ter um espaço de apoio, não sentar as crianças no chão frio do bar.
Mas são ajustes que eu acredito que podem ser feitos, e que talvez outras pessoas com olhar menos crítico pro assunto, ou que não tenham tido experiências em outros hoteis que oferecem uma boa monitoria não se atentem.

delicia curtir o dia das mães no hotel com meus amores!

De qualquer forma, o fim de semana foi delicioso, descansamos, tivemos momentos maravilhosos em familia, curtimos o teatro, dormimos numa cama delicia de hotel, tomamos um café da manhã senacional, o Brunch de dia das mães foi ótimo!

Voltaria a me hospedar lá!? Se soubesse que esses pontos foram melhorados, sim!!!!

Print Friendly, PDF & Email

Sem comentários para "Viajando com crianças: Transamérica São Paulo"

    Clique para Comentar!